Stellantis vai fornecer “milhares de BEV todos os anos” à Amazon

0
Stellantis vai fornecer “milhares de BEV todos os anos” à Amazon
O Ram ProMaster EV que a Amazon irá adquirir à Stellantis é tecnicamente semelhante ao ë-Jumper (na foto) ou ao Fiat E-Ducato (foto-montagem de ë-Jumper com logótipo da Amazon)

A Amazon e o Grupo Stellantis anunciaram uma série de acordos globais plurianuais que abrangem o fornecimento de soluções de software à STLA SmartCockpit, a nova plataforma digital da Stellantis centrada no habitáculo das viaturas e preveem que a frota de veículos da Amazon sejam 100% elétricas.

Desde 2018 que a Stellantis tem vindo a fornecer à Amazon dezenas de milhares de veículos comerciais ligeiros (VCL), incluindo unidades Ram ProMaster e Fiat Ducato, bem como veículos comerciais ligeiros das marcas Peugeot e Citroën, como suporte ao seu negócio de entregas de último quilómetro na América do Norte e na Europa.

No entanto, o acordo agora é mais ambicioso e passa por dotar o gigante norte-americano de comércio eletrónico de viaturas zero emissões.

Assim, em linha com o “The Climate Pledge” (“Compromisso Climático”) e o seu compromisso de alcançar zero emissões de carbono até 2040, a Amazon está a transformar a sua logística de último quilómetro (“last mile”), recorrendo a novas soluções sustentáveis.

Ao abrigo de um acordo estabelecido com a Stellantis, a Amazon tornar-se-á no primeiro cliente profissional do novo Ram ProMaster elétrico a bateria (BEV) da Stellantis, modelo que tem lançamento prevista para 2023.

O Ram ProMaster elétrico mais não é do que um Fiat Ducato, um Peugeot Boxer, um Citroën Jumper ou um Opel Movano elétrico.

“Com o contributo da Amazon, a Stellantis integrou neste seu veículo funcionalidades únicas para atividades de entrega de último quilómetro”, afirma a Stellantis.

Embora na apresentação por streaming não tenham sido indicadas quantidades de veículos a fornecer, Carlos Tavares, CEO da Stellantis afiançou que eram significativas.

De resto, no comunicado emitido é dito que a Amazon irá começar a usar os seus Ram ProMaster BEV nas estradas dos EUA e como parte do acordo de longo prazo estabelecido, a Stellantis e a Amazon irão colocar, todos os anos, milhares de BEV ProMaster nas estradas.

Carlos Tavares, CEO do Grupo Stellantis, prometeu acrescentar nos próximos meses mais oito veículos 100% elétricos ao portefólio das 14 marcas do Grupo, reservando a revelação dos detalhes para o início de março.

Recorde-se que a Amazon tem, em paralelo, um acordo anterior para comprar até 100.000 comerciais elétricos à startup Rivian Automotive.

AWS como fornecedor principal da “Cloud”

No âmbito destes acordos, a Stellantis selecionou também a AWS como fornecedor principal da “Cloud” para as suas plataformas de veículos.

As duas empresas irão ainda lançar projetos e ferramentas de engenharia e de inovação para acelerar a comercialização de novos produtos digitais “e reforçar as competências dos colaboradores da Stellantis em todo o mundo”.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of