A Finbold fez uma análise na qual verificou que, em 2021, a Tesla entregou 936,172 carros elétricos, o que representa um crescimento de 87,4% face a 2020.

Recorde-se que desde que iniciou a entrega de veículos, a maior entrega de veículos foi registada entre 2017 e 2018, com um crescimento de 137,8%, ou seja, passou de 103,100 carros num ano para 245,200 no ano seguinte.

Com base nestes dados, é possível fazer uma projeção para este ano. Assim, estima-se que em 2022 a empresa tenha um crescimento, face ao ano passado, de 64,9%, entregando 1,544,402 veículos. Esta estimativa tem em consideração a média de crescimento da fabricante norte-americana entre 2014 e 2021, juntamente com o aumento de capacidade que é estimado com a operação das novas fábricas no Texas, Estados Unidos da América, e Berlim, na Europa, que devem iniciar operações no primeiro trimestre deste ano. Na unidade do Texas, a Tesla vai produzir o modelo Y.

A Tesla conseguiu este ritmo de crescimento apesar de algumas restrições de fornecimento e logística, causadas pela pandemia. O aumento de produção está também relacionado com início de produção da fábrica em Xangai, na China, e alterações técnicas na produção na fábrica da Califórnia, nos Estados Unidos da América.

A fabricante norte-americana já tinha anunciado ter como objetivo aumentar as entregas em 50% a cada ano. Embora não tenha ainda ultrapassado um milhão de entregas, já alcançou esta meta de crescimento anual.

Cybertruck também contribui para o crescimento

A produção do Cybertruck irá também contribuir para este aumento do número de entregas que é estimado. Recorde-se que, em maio de 2021, a tesla tinha 1,08 milhões de pré-reservas para este modelo, um número muito superior às entregas totais que a marca tinha feito. No último trimestre de 2021, as reservas do Cybertruck ascendiam a 1,33 milhões.

Em suma, as políticas de carbonização europeias e de algumas cidades americanas deram também um forte contributo para o crescimento na procura destes veículos elétricos a baterias.

Artigo anteriorModelo de infraestrutura do futuro: verde e inteligente
Próximo artigoValores de reciclagem cresceram no ano passado em Portugal

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of