Será que as diferenças entre carregar um veículo ou abastecê-lo com combustível são assim tão díspares em termos de preço? A Selectra – especialista na comparação de tarifas de energia – fez os cálculos e indica quanto terá de pagar para se deslocar durante uma semana, tendo em conta as caraterísticas dos dois veículos.

Salienta a Selectra: “À semelhança do que aconteceu com as tarifas de eletricidade para consumo doméstico, muitas empresas aumentaram o preço de carregamento dos carros elétricos. Esse foi exatamente o caso da Galp que, desde o início do ano já atualizou o seu tarifário por duas vezes, passando de 0,163€ por kWh em horas de vazio para 0,189€, e 0,213€ por kWh para 0,2394€ em horas fora de vazio”.

Esta decisão teve por base o aumento do custo de aquisição de energia e previsão de redução das tarifas de acesso às redes. No entanto, a empresa também acrescenta que os descontos que continua a disponibilizar aos seus clientes, permite que os seus níveis de poupança se mantenham bastante favoráveis.

Quanto posso poupar em abastecimento?

Para fazer a comparação entre quanto iria gastar ao deslocar-se num carro elétrico durante uma semana, ao invés de um veículo convencional, a Selectra fez os cálculos tendo por base uma distância média percorrida de 20 km por dia. Por sua vez, os modelos de carro escolhidos fazem parte da mesma empresa, sendo que na categoria elétrico encontra-se o Nissan Leaf e para o movido a combustível, foi eleito como exemplar o Nissan Micra (versão a gasolina e a gasóleo).

Na seguinte tabela pode encontrar os preços, segundo as contas desta plataforma, de quanto iria ter de pagar para alcançar os 140 km de autonomia, na hipótese de ter carregado o seu veículo em casa, num ponto de abastecimento Galp ou abastecido com combustível (gasolina ou gasóleo), atendendo aos preços médios atuais do mercado:

Fonte: Selectra

A disparidade de preços entre o carro convencional e o elétrico é bastante notória, sendo que no caso da gasolina, o valor ronda os 14,70€ e nos elétricos, o carregamento pode custar-lhe apenas 2,56€. No entanto, é importante ter em conta que estes valores são baseados numa estimativa, visto que vão sempre divergir consoante a tarifa de eletricidade que tiver contratada ou da empresa que escolher para abastecer o seu carro.

Outro aspeto enfatixado pela Selectra: “Carregar um carro elétrico é significativamente mais barato que encher o depósito de gasolina ou gasóleo e, sendo que este tipo de viaturas não necessita de materiais como o filtro de combustível ou de óleo, e o custo de manutenção é, também ele, consideravelmente mais baixo”.

Artigo anteriorIKEA promove uso de pilhas recarregáveis
Próximo artigoWelectric Talks #02: Vamos comer insetos?

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of