A Xiaomi lançou no mercado português as suas novas trotinetes elétricas Electric Scooter 4 Pro (799,99€) e a Electric Scooter 3 Lite (449,99€).

Xiaomi Electric Scooter 4 Pro é a trotineta mais potente da Xiaomi até à data, com um motor de 700W e 25 km/h de velocidade máxima. Com uma capacidade de 12.400mAh, a trotinete é capaz de cobrir distâncias até 55 km por carga e fornece a potência necessária para enfrentar subidas com até 20% de inclinação com facilidade.
 
O corpo de alumínio da Xiaomi Electric Scooter 4 Pro é leve, forte e resistente à corrosão. A trotinete está equipada com pneus autovedantes de 10″ sem câmara, concebidos para os tornar resistentes à perfuração com o Xiaomi DuraGel e mais duráveis em estradas acidentadas.

A Xiaomi Electric Scooter 4 Pro de maior dimensão, além de ser capaz de suportar mais peso, melhora o conforto em pé, sem esquecer a nova porta de carga magnética e a tampa que garantem a segurança do carregador enquanto está ligado à corrente.
 
Para uma experiência de condução segura, os utilizadores beneficiam de eABS dianteiro e um sistema de travão de disco de dupla pastilha traseiro. A IU atualizada no painel de instrumentos da Xiaomi Electric Scooter 4 Pro oferece uma experiência livre de distrações, ao mesmo tempo que disponibiliza informação útil num formato intuitivo.

Quanto à Xiaomi Electric Scooter 3 Lite, chega equipada com um conjunto de baterias otimizado, sendo a velocidade máxima de condução a mesma, até 25 km/h. A sua autonomia é de até 20 km. O motor de 300W de potência é eficaz para subidas de até 14% de inclinação.

A Xiaomi Electric Scooter 3 Lite possui um deck mais amplo integrado numa carroçaria leve de alumínio, agora com um para-lamas na zona do pneu que desvia os detritos da estrada e um mecanismo de dobragem mais seguro.

O painel de instrumentos da interface do utilizador tem ícones maiores e uma visualização mais clara.

A Electric Scooter 3 Lite está disponível em duas cores: preto e branco.

Artigo anteriorRepsol e Lactalis Nestlé promovem a circularidade das embalagens alimentares
Próximo artigoMercado de usados: veículos elétricos mantêm crescimento em julho

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of