Centro de Engenharia e Inovação da Alstom em Portugal vai desenvolver soluções na área da mobilidade digital e sinalização

0
Centro de Engenharia e Inovação da Alstom em Portugal vai desenvolver soluções na área da mobilidade digital e sinalização
Alstom na Maia

Alstom abriu um novo centro de Engenharia e Inovação, na Maia, distrito do Porto.

As novas instalações da Alstom na Maia terão como principal missão desenvolver soluções de alta tecnologia na área da mobilidade digital e sinalização, tanto para o mercado português, como para os projetos internacionais da Alstom em todo o mundo.

Com uma área total de aproximadamente 460 m2 e uma equipa inicial de 25 engenheiros e técnicos, o centro tem um ambicioso plano de crescimento para os próximos anos.

O novo local inclui também um armazém com capacidade para armazenamento e reparação de componentes, para os projetos e clientes atuais com os quais a Alstom está a trabalhar em Portugal.

Para David Torres, Diretor Geral da Alstom Portugal, “com base na experiência proporcionada pelo seu extenso portfólio, a Alstom visa dinamizar o setor ferroviário em Portugal, trazendo a sua ‘expertise’ no desenvolvimento de soluções de mobilidade sustentável. A empresa está fortemente empenhada no mercado português, contribuindo ativamente para o desenvolvimento da indústria e da economia locais, compromisso este que é claramente demonstrado pela abertura do novo centro de Engenharia e Inovação na Maia, que contará com competências técnicas e logísticas avançadas, contribuindo igualmente para a criação de mais empregos de qualidade em Portugal.”

Por seu turno, o Presidente da Câmara da Maia, António da Silva Tiago, comentou o novo investimento da Alstom neste concelho, considerando que “a Maia é hoje um ecossistema económico e social que integra no seu território uma realidade empresarial vibrante e dinâmica, destacando-se particularmente no domínio das empresas de média e média-alta tecnologia, ocupando, a esse nível, os lugares cimeiros no cômputo regional e nacional. Felicito a Alstom por ter escolhido a Maia, vindo, através da instalação do seu centro de engenharia e inovação, na Freguesia de Pedrouços – Maia, aportar mais valor ao nosso ecossistema.”

Em nome da Plataforma Ferroviária Portuguesa, o seu Diretor Executivo, Paulo Duarte, destacou “a importância da criação de um centro técnico ferroviário em Portugal, que dê uma resposta rápida e de qualidade às necessidades e solicitações dos operadores ferroviários do nosso mercado, contribuindo para uma maior mobilidade sustentável e socialmente responsável.”

Representando o Centro de Competências Ferroviário, Luís Andrade Ferreira enalteceu o “importante papel do novo centro de Inovação da Alstom, bem como a colaboração desta empresa com o CCF, no sentido de explorar novas oportunidades em termos de partilha de conhecimento, empreendedorismo, inovação e pesquisa aplicada, com efeitos positivos na economia nacional.”

Programa de Mestrado

Adicionalmente, a Alstom irá colaborar com a FEUP – Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, na preparação de um Programa de Mestrado com foco na mobilidade inteligente e sustentável. O objetivo é o de promover uma nova geração de graduados com talento, capazes de conceber e desenvolver tecnologias, produtos e sistemas avançados para um futuro sustentável.

Alstom em Portugal

A Alstom está presente em Portugal há mais de 30 anos e, atualmente, dois em cada três comboios em circulação no nosso país foram fabricados pela Alstom ou com tecnologia Alstom, incluindo comboios de alta velocidade, regionais, metropolitanos e elétricos.

No âmbito digital, mais de 1.500 km da rede ferroviária portuguesa e mais de 500 unidades de bordo são geridas pelo sistema Convel ATP da Alstom, uma solução de sinalização desenvolvida especificamente para o mercado português.

No panorama da mobilidade urbana, a Alstom ficou encarregue do sistema de sinalização do Metro do Porto e dos 102 comboios que hoje servem esta rede, fornecendo igualmente o sistema ATP (Automatic Train Protection) instalado a bordo dos 18 comboios recém-adquiridos por este operador.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of