Foram anunciados os vencedores dos Portugal Digital Awards, uma iniciativa conjunta da Axians e da IDC, que pelo 7ª ano consecutivo reconhece e premeia a excelência das organizações e das suas equipas que conduzem à transformação digital dos seus negócios, através de projetos inovadores que implementam.

Os projetos apresentados foram integrados nas categorias por tipo de transformação, por segmento de mercado e por categorias especiais.

Categoria Best Future of Intelligence Project

A E-Redes viu dois dos seus projetos premiados nesta gala. Assim, na categoria Best Future of Intelligence Project, que distingue o melhor projeto relacionado com analytics, big data e data monetization, o eleito foi o “Analytics4Vegetation, E-REDES”. Este projeto Analytics4Vegetation utiliza IA para prever o crescimento das várias espécies de vegetação nas proximidades da rede aérea.

Com tecnologia avançada recorre a poderosos algoritmos de machine learning e integração de dados de várias fontes de informação para alcançar quatro objetivos: aumentar a automação dos processos; centralizar as fontes de informação de dados para a gestão da vegetação; criar algoritmos de machine learning; e criar dashboards para facilitar a visualização agrupada da informação e facilitar a tomada de decisão.

Categoria Best Energy & Utilities Project

Por seu lado, na categoria Best Energy & Utilities Project, que premeia o melhor projeto de transformação digital no setor da Energia & Utilities, o júri elogiou o “Gridrone, E-REDES”, assente na utilização de drones para efetuar inspeção termográfica, de medição de distâncias e visual à rede aérea MT e AT.

O Gridrone surge como alternativa ao uso do helicóptero, utilizado há mais de 25 anos para asseguras a exploração da rede aérea, ao mesmo tempo que garante a segurança e qualidade de fornecimento de energia elétrica.

Metodologias de Inteligência Artificial e Visão de Computador permitem aumentar a automatização destas inspeções, diminuir custos e libertar operadores especializados para outras tarefas.

“Estes dois projetos inovadores, com impacto significativo na produtividade e na sustentabilidade do negócio, são um reflexo da Transformação Digital que temos vindo a fazer, envolvendo equipas internas de todas as áreas da empresa e apoiando-nos em fortes parcerias tecnológicas e académicas”, comenta Fazila Ahmad, Head of Digital Acceleration na E-REDES.

Artigo anteriorFórmula RS disponível em segundo modelo Enyaq iV
Próximo artigoMatinal adota embalagem 100% neutra em carbono

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of